Ensaios de Piezocone - CPTU | Damasco Penna Engenharia Geotécnica
Home » GridPortfolio » ENSAIOS DE PIEZOCONE – CPTU

ENSAIOS DE PIEZOCONE – CPTU

Publicado em 24/12/2016

ENSAIOS DE PIEZOCONE (CPTU)
 

O ensaio de piezocone, ou CPTU vem consolidando-se como uma das principais técnicas de investigação geotécnica no Brasil e no mundo.

 

Esta ferramenta entrega resultados rápidos e precisos sobre características do subsolo e pode ser utilizada em grande variedade de condições geológicas.

 

O ensaio consiste na cravação estática, em velocidade constante, de cone instrumentado com três sensores:

  • Resistência de ponta (qc)
  • Resistência ao atrito lateral (fs)
  • Pressões Neutras (u2)

Este último sensor é provido de elemento poroso previamente saturado e por meio dele pode-se realizar, conjuntamente ao ensaio CPTu, ensaios de dissipação da pressão neutra, obtendo-se dessa forma propriedades da permeabilidade do solo ensaiado.

Os ensaios CPTu podem ser utilizados para avaliação, através de correlações, de parâmetros como:

  • Estratigrafia
  • Perfil geotécnico
  • Coeficiente de adensamento (Ch e Cv)
  • Densidade relativa (Dr)
  • Resistência não drenada (Su)
  • Ângulo de atrito efetivo de areias (Ø)
  • História de tensões (tensão de pré-adensamento, OCR)
  • Coeficiente de permeabilidade (K)

A cravação do piezocone é feita por perfuratriz hidráulica e os resultados são obtidos em tempo real, transmitidos à computador em campo.

A Damasco Penna opera os ensaios CPTu desde 2007, contando com equipes qualificadas e equipamentos calibrados, realizando os ensaios conforme padrões internacionais da ISO-22476.

Para conhecer mais sobre este ensaio, recomendamos a leitura do manual “Guide to Cone Penetration Testing” do Prof. Peter Robertson.

Veja também artigos em nosso site sobre:

Dissipação em ensaios CPTU

 

ensaio-cptu
Equipamento de ensaios CPTU


Bomba a vácuo para saturação do elemento poroso